Terça-feira, 19 de novembro de 2019
Fala Matão

Matão conseguiu atingir 88,91% de cadastramento biométrico

7.302 eleitores deixaram de fazer o cadastramento biométrico em Matão

  • Alex Gasoni
  • 01:23
  • Sexta-feira, 01 de novembro de 2019
Fala Matão - Alex Gasoni
Fila de eleitores virou esquina do cartório da 170ª zona eleitoral, em Matão, no último dia de cadastramento - Foto: Alex Gasoni / Fala Matão

Ontem, quinta-feira (31), foi o último dia para o cadastramento biométrico em Matão e mais 478 cidades de SP.

Já se aproximava das 17h30, horário de fechamento do cartório de Matão, e a fila de pessoas para realizar o cadastramento no cartório da 170ª zona eleitoral ainda estavam virando a esquina. Muitos deles não conseguiram realizar o cadastramento.

Os números de cadastrados em Matão ficaram da seguinte forma:

Eleitores - 65.856
Cadastros realizados - 58.554
Porcentagem atingida - 88,91%

Ou seja, 7.302 eleitores NÃO fizeram o cadastramento e não poderão votar nas próximas eleições.

Em Matão o cadastramento biométrico começou no dia 4 de fevereiro, não deixando margem para possíveis reclamações de pessoas que queiram dizer não ter realizado o cadastramento biométrico por falta de tempo.

Os eleitores que não fizeram o procedimento terão os títulos eleitorais cancelados e sofrerão uma série de sanções decorrentes disso, ficando sujeitos, inclusive, à suspensão do Cadastro de Pessoa Física (CPF).

A única exceção se dá com os eleitores maiores de setenta anos que não fizerem a biometria, já que NÃO terão o CPF cancelado. Neste caso, mesmo com a inscrição eleitoral cancelada, é mantida a situação regular do CPF.

Além disso, a suspensão do CPF poderá acarretar o bloqueio nas contas bancárias do eleitor. Porém, a instituição financeira deve comunicar previamente ao cliente a intenção de rescindir o contrato, informando o motivo e estipulando prazo para eventual regularização da pendência.

Entre outras sanções, o eleitor com o título eleitoral cancelado ficará impedido também de votar, inscrever-se em concurso público e tirar passaporte e identidade. Além disso, não poderá obter empréstimos em qualquer estabelecimento de crédito mantido pelo governo, ou de cuja administração este participe.

O eleitor não poderá ainda receber remuneração ou proventos de função ou emprego público e renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo.

Cadastramentos em cidades vizinhas:

Araraquara
Eleitores - 172.831
Cadastros realizados - 119.240
Porcentagem atingida – 68,99%

Termina no dia 19 de dezembro

Jaboticabal
Eleitores - 53.406
Cadastros realizados - 33.700
Porcentagem atingida – 63,10%

Termina 19 de dezembro

Taquaritinga
Eleitores - 40.023
Cadastros realizados - 25.854
Porcentagem atingida – 64,60%

Termina 19 de dezembro

Dobrada
Eleitores - 6.389
Cadastros realizados - 5.743
Porcentagem atingida – 89,89%

Santa Ernestina
Eleitores - 5.058
Cadastros realizados - 3.679
Porcentagem atingida – 72,74%

Termina no dia 19 de dezembro

Américo Brasiliense
Eleitores - 27.307
Cadastros realizados - 17.154
Porcentagem atingida – 62,82%

Termina no dia 19 de dezembro

Lista completa de cadastrados em porcentagem (ainda com cidades em andamento): clique aqui 

Lista com prazo máximo para cadastramento de cada cidade: clique aqui

Cidade com maior número de cadastrados
A cidade de Nhandeara, 215 km de Matão, chegou à incrível marca de 99,88% de eleitores cadastrados, ficando apenas com nove pessoas sem a biometria, ou seja, dos 7.455 eleitores, 7446 realizaram o cadastro.

Situação cadastral de Matão
Comparando os números de Matão com as outras cidades que já finalizaram a biometria, a cidade fica entre as que conseguiram melhores porcentagens.

O resultado do trabalho se deve aos esforços da Talita Banhos Paula, chefe do cartório da 170ª zona eleitoral, além dos colaboradores, da imprensa local, que não mediu esforços para veiculação sobre o assunto e da Câmara Municipal.

Mesmo Matão atingindo 88,91%, sem dúvida é preocupante a quantidade de pessoas que deixaram de realizar o cadastramento biométrico.

Caso não haja alguma nova data para cadastramento dos eleitores, agora inaptos, a eleição de 2020 tem grandes possibilidades de ser diferente de tudo que já vimos nos últimos anos, principalmente na hora do futuro candidato pedir voto.

Por Alex Gasoni

Copyright © 2018 Fala Matão - Textos, fotos, artes e vídeos do Fala Matão estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do portal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do portal Fala Matão.
contato@falamatao.com.br
(16)9 9993-9237

ComentáriosOs comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.