Quarta-feira, 27 de maio de 2020
Fala Matão

Gravação mostra homem expondo as nádegas para crianças em uma videoaula em Araraquara

Análises devem confirmar identidade de invasor

  • Redação
  • 13:47
  • Segunda feira, 04 de maio de 2020
Fala Matão - Redação

A Comissão de Inquérito Disciplinar, assessorada pelo departamento jurídico de uma escola particular de Araraquara, segue analisando de forma minuciosa a gravação de uma vídeoaula que foi alvo de invasão por um homem que abaixou a roupa e exibiu as nádegas para mais de 20 crianças (entre 6 e 7 anos de idade) por meio da câmera de uma das alunas.

A aula estava sendo gravada pela escola que, imediatamente, teria interrompido a transmissão para preservar os alunos. O fato ocorreu na quinta-feira (30) e, neste sábado, dia 2, o Portal Morada teve acesso à imagem da plataforma (acima).

A Comissão de Inquérito Disciplinar da escola Objetivo, após apuração detalhada dos fatos, deve encaminhar a conclusão do inquérito às autoridades competentes para que sejam tomadas as medidas judiciais necessárias a fim de identificar e punir o autor do fato.

Hoje a escola informou que o material já se encontra sob análise da Comissão e do jurídico da escola, e, que, por enquanto, não é possível confirmar a identidade da pessoa que invadiu a videoaula. Segundo apurou o portal Fala Matão pode ter sido um tio de uma das alunas.

Em contato com o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), de Araraquara, Dr. Tiago Romano, ele ressaltou que as imagens revelam uma gravidade muito grande e, realmente se caracterizar que a intenção desse homem era aparecer nu na frente das crianças, pode caracterizar ato obsceno. “Pelo fato de ter crianças, pode se caracterizar crime mais grave, comprovado o contexto dos fatos. Pode resultar em indenização por danos morais e materiais das outras crianças”, disse o presidente da OAB.

Fonte: Portal Morada

Copyright © 2018 Fala Matão - Textos, fotos, artes e vídeos do Fala Matão estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do portal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do portal Fala Matão.
contato@falamatao.com.br
(16)9 9993-9237

ComentáriosOs comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.